Como eu vivo sem lactose?

foto-1
Quem me acompanha a mais tempo, sabe que eu sofro de uma restrição alimentar chamada Intolerância à lactose, por causa disso, meu organismo não consegue digerir bem alimentos que contém esse tipo de açúcar do leite, causando alguns “efeitos” nada confortáveis no meu corpo. Descobri minha intolerância a pouco mais de dois anos e, desde então, minha vida mudou abruptamente. Sempre amei tudo que tinha leite e queijo e descobrir que tinha que me privar disso não foi nada legal, principalmente porque não conseguia encontrar médicos, nutricionistas ou até mesmo blogs que me ajudassem a entender melhor o problema e, assim, parei radicalmente de comer tudo o que tinha leite e a tentar descobrir sozinha alimentos que não tinham. Uma coisa bem bacana é que ultimamente muitas marcas vem lançando produtos sem lactose e até alguns restaurantes vem esclarecendo no cardápio a composição completa dos pratos.

Como sei que muita gente também sofre da falta de informação sobre este  problema, resolvi fazer este post, mostrando as marcas/ produtos que uso para viver uma vida “mais normal”! Lembrando que eu não sou médica nem nada, tá gente? Aqui é simplesmente minha opinião como intolerante.

1. Lactosil: Esse “remedinho” milagroso é a coisa mais importante que eu levo na minha bolsa. Ele deve ser usado no preparo de alimentos que contém leite e funciona como se “quebrasse” o efeito da lactose no nosso organismo.
A minha experiência de uso é um pouquinho diferente, antes de ingerir um alimento que contém leite eu despejo um sachêzinho num copo com água e tomo. No meu corpo o efeito é o mesmo de colocá-lo no preparo do alimento, não sei se funciona com todo mundo, mas a minha Gastroenterologista já me informou que não tem problema eu usar o lactosil assim. Confirme com o seu gastro também! 😉 A faixa de preço dele, pelo menos aqui no Recife, é R$60, mas o preço salgadinho vale muito a pena, porque além do efeito ser incrível, a caixinha vem com muitos sachês, o que sai em média R$2,00 por sachê.

foto2

2. Produtos Verde Campo Lacfree. Eu definitivamente amo a Verde Campo, porque ela me proporcionou o prazer de comer queijo depois de muuuuuuuuuuuuuito tempo sem comer. A linha de produtos sem lactose deles é muito extensa em relação a queijos, iogurtes e coalhada e uma coisa muito boa é que ultimamente tem sido fácil encontrar os produtos verde campo em diversos supermercados da cidade. Confere aqui os pontos de venda da sua cidade.

foto-3

3. Produtos Piracanjuba + Creme vegetal Becel. A marca Piracanjuba é outra que tem um espacinho bem grande no meu coração. Isso porque eu descobri que eles acabaram de lançar uma nova linha sem lactose que abrange, dentre outros, creme de leite e leite condensado sem lactose. SIM! CHOREM, INIMIGAS! Isso é incrível para quem tem intolerância, não vejo a hora de comprar meu leite condensado e comer uma panela de brigadeiro interinha na maior emoção ❤ Ah! lembrando que o Néscau não contém leite, então meu brigadeiro vai ficar igualzinho ao normal!  Ainda não encontrei os novos produtos aqui no Recife, mas vou procurar bem direitinho e falo a vocês. Confere aqui a linha de produtos deles.

Para mim, a Becel Original (lembrando que os outros cremes vegetais possuem leite), funciona como manteiga. Claro que o sabor não é o mesmo, mas dá para usar em frituras, bolos e outras coisas que necessitem de manteiga ou margarina.

foto-4

 

Tá vendo só que dá para viver bem sem lactose? Graças a Deus existem produtinhos que não me fazem mais chorar com a ausência de leite na minha vida. Ah! E aproveita que tá aqui e dá uma olhadinha nas receitas #lacfree que já rolaram aqui no blog, clicando aqui, uma mais delícia que a outra, hahaha.

Comenta aí sobre o seu caso de lactose e o que você achou do post! E não esquece de deixar seu precioso like aqui abaixo. 😉

Beijo,
Jú.

Pra cumê: Omelete Pac-Man

foto-1

 

Oi, lindxs!

Hoje eu trago aqui uma daquelas receitinhas que a gente precisa fazer quando chega a hora do almoço e só encontramos ovos e água na geladeira! Pois é, dia desses aconteceu isso aqui em casa. Mas como sou ~muito esperta~ resolvi reunir tudo o que estava sobrando aqui na geladeira para fazer um espetacular Omelete, desses que nossa vovó faz e a gente come chorando.

A receita é muuuito simples e quebra um galho danado.

Ingredientes:  

  • 4 ovos (claras e gemas separadas)
  • uma pitadinha de sal
  • milho em conserva
  • ervilha em conserva
  • mortadela picadinha

Modo de preparo: 

Para preparar nosso omelete lindo eu usei a batedeira, mas você pode fazer na munheca mesmo, é só ter paciência. Primeiro a gente começa batendo as claras até ficarem bem consistentes (quando viramos a tigela e a mistura não derrama), depois acrescentamos as gemas, uma a uma mexendo sem parar. Acrescentamos a pitadinha de sal e os outros ingredientes. (lembrando que eu fritei a mortadela antes de acrescentá-la à mistura). Depois de misturar tudinho, é só colocar na frigideira e, a medida que for fritando, ir virando os lados, para ficar tudo jeitosinho assim:

foto-2 foto-3

E aí, curtiu? Todo mundo aqui de casa adorou 😉
Depois me conta o que achou e não esquece de deixar seu like aqui abaixo.

Beijo,
Jú.

Especial de Halloween: Bolo de Aranha

modelo-2foto-15

Oi, gente! ❤ O post de hoje tá tão delícia que tô em dúvida entre comer e escrever hahaha. Hoje vai ter bolo de aranha no capricho feito pela Chef Jú! Pode anotar aí que o sucesso é a certeza. Lembra daquele bolo de caneca perfeito que dia desses a gente fez por aqui? Então, ele vai ser a chave secreta da nossa Comidinha de Halloween, fica de olho. 😉

Você vai precisar de:

  • 1 Bolo de Caneca perfeito picadinho (Clica aqui para ver a receita dele)
  • 4 biscoitos Wafer cortadinhos.
  • 1 colher de sopa de creme de leite (Se não quiser/puder usar, não é necessário, mas fica mais gostoso com ele!)

Modo de Preparo:

Depois de pronto, despedace todo o bolo de caneca e acrescente o creme de leite, fazendo bolinhas menores e maiores. As menores serão a “cabeça” da aranha e as maiores o “corpinho” dela.

Reserve as cabeças e corpinhos e comece a cortar o biscoito Wafer em tirinhas que serão as “patinhas” da aranha. São, ao todo, 4 biscoitos para cada aranha. O corte deve ser feito assim:foto-13

O biscoito que escolhi para usar na receita foi o Wafer da Vitarela, não só porque é o meu preferido, mas porque ele “Pode conter traços de leite” o que já ajuda um pouquinho para quem é intolerante a lactose como yo. 

foto-12

Depois de cortar “as patinhas”, monte o prato do jeitinho que está aqui abaixo. Se você quiser, pode usar outros recursos decorativos como fios de chocolate para fazer teias de aranha, vai dá sua criatividade. 🙂

foto-17    foto-16 foto-14

Legal, né? Se você curtiu, deixa seu like aqui abaixo e não esquece que amanhã tem mais!

Beijo,
Jú.

Pra cumê: Biscoitinhos de São Cosme e São Damião (no microondas)

foto-5Quando criança, uma das coisas que eu mais gostava era receber docinhos no Dia de São Cosme e São Damião os santos gêmeos e médicos que praticavam a medicina de forma gratuita. Para comemorar toda esta doçura que o dia de hoje traz, uma receitinha super especial: Biscoitinhos (tipo Cookies) feitos no microondas! Pois é, eu descobri e adaptei a receita, e só tenho uma coisa a dizer: Porque não descobri isso antes?  hahaha. Gente, fica delicioso, juro! E para os intolerantes à lactose de plantão, fiquem calmos, é lacfree!

  • Para começar, vamos precisar de:
    . 1/2 xícara de farinha de trigo com fermento
    . 1 colher (sopa) cheia de aveia
    . 1 colhe e meiar (sopa) cheia de achocolatado (Usei Nescáu)
    . 1 colher (sopa) cheia de açúcar
    . 1 colher (sopa) rasa de canela (se não gostar de canela, não precisa colocar)
    . 2 colheres (sopa) cheias de manteiga (Usei creme vegetal Becel)
    . 1 ovo bem pequeno

O modo de preparo é bem simples, misturamos em uma tigela todos os ingredientes com as mãos até obter uma mistura homogênea e fácil de manusear.

Unte as mãos e faça bolinhas, ou formatos da sua preferência, coma a massa já pronta. Não faça de tamanhos muito grande, porque a massa fica parecendo um bolo (mas não deixa de ser gostoso, hahaha) Ficam mais ou menos assim:foto-22

Ponha os biscoitos em um refratório, também untado, e leve ao microondas por 1min. em potência alta, caso você faça bolinhas muito grandes, experimente deixar por 1 min a mais.

foto-3

foto-6,-nhac

nhac, nhac…

foto-4

Curtiu? Então deixa seu like aqui abaixo. 🙂

Beijo,
Jú.

 

Pra cumê: Bolo de Caneca perfeito

foto-principalOdeio estes posts de blogs pedindo desculpas pelo sumiço, mas devo dizer que tô meio sumida mesmo, é que tô pagando umas disciplinas em horários muitos distintos na faculdade, o que tem diminuído meu tempo para fotografar e criar posts. Mas como não há desculpa nenhuma no mundo que não se compre com comida, o post de hoje é exatamente uma receitinha pra cumê (e pra vocês me desculparem). ❤

Quem me pediu esta receita, foi a Debbie, do canal Debbie Bittencourt, (assistam, porque ela canta lindamente!) numa dessas conversas pós-aula, sabe? E ela me falou da dificuldade que tinha para encontrar uma receita boa de bolo de caneca, porque sempre transbordava e coisa e tal, então, eu revolvi colocar em prática meus experimentos mestre-cucais e elaborar esta receita mega gostosa, que não transborda e que não leva ovo, nem óleo e é sem lactose. (porque sim!)

  • Nós vamos precisar de:
    3 colheres de achocolatado (usei Nescáu)
    3 colheres de farinha de trigo com fermento
    1 colher e meia de açúcar
    6 colheres de leite (usei o Itambé O% Lactose, mas se você não for intolerante, pode usar leite normal!)

Primeiro, misture bem direitinho os ingredientes secos, para facilitar na hora de acrescentar o leite. Assim que tudo estiver lindamente misturado, acrescente o leite e misture muito bem, o segredo é misturar até os dedos caírem, hahaha. Fica mais ou menos assim: foto-2

#Dica: O ideal é que a mistura obtenha a metade do tamanho da caneca, porque quando colocada no microondas, ela dobra de tamanho e não transborda.

Leve ao microondas pelos exatos 1 minuto e 40 segundos em potência máxima. O resultado é tão perfeito que eu me assustei: Não transborda, fica super macio, uma delícia e mesmo depois de um certo tempo, ele não murcha. (estou digitando o post e comendo umas colheradas agora!)

foto-3foto-4 foto-5foto-6Se você curtiu, testa a receita, me conta como ficou e deixa seu like aqui abaixo 😉

Beijo,
Jú.

Pra cumê: Banana com chocolate no palito (sem lactose)

receita3 #SouDessas que não para de comer durante dia todo e aviso logo que chocolate é meu acompanhamento preferido na hora da fome (mas também gosto de coxinha!), eu até vivo tentando entrar em dietas para ver se eu perco os quilinhos que a vida vai me emprestando, mas no dia que entro na dieta sempre me convidam para comer pastel, comida chinesa ou coisa do tipo e eu prefiro pegar mais quilinhos emprestados, hahaha. E então como hoje é sexta-feira, dia de balada, dia oficial de comer besteira, chegou de paraquedas aqui no blog, uma receitinha delícia, com chocolate e super prática: Banana com chocolate no palito (a banana é para fingir que tô comendo frutinhas e não besteira!)

Para começar, a gente vai precisar de:

. 2 colheres (sopa) bem cheias de Nescáu 2.0 ( Segundo a tabela de ingredientes, o Nescáu é feito com Cacau e Emulsificante lecitina de soja, não utilizando leite na sua composição)
. 1/2 xícara de chá de leite Piracanjuba O% Lactose.
. 1 banana fatiada em pedaços largos.
. 1 colher (sopa) bem cheia de açúcar.
. Confeitos para decorar.
. 1 colher (sopa) não tão cheia de creme vegetal Becel.
. Quantos palitos de churrasco bastarem.

ingredientes

ingredientes2

Primeiro vamos levar ao fogo baixo, o açúcar, o leite, o chocolate, o nescáu e o creme vegetal, misturando sempre até dá ponto de brigadeiro (quando você passa a colher e pode ver o fundo da panela). Depois, desligamos o fogo e esperamos “esfriar” de 5 a 10 min.

ingredientes3

Agora espetamos os palitos nas fatias e melecamos carinhosamente no nosso falso brigadeiro, se precisar esperar um tempo para depois melecar novamente, pode fazer sem problema. 😉

Para finalizar, cubra as bananinhas já prontas com os confeitos, ligue a tv no filme mais legal que estiver passando e seja muito, mas muito feliz mesmo. ❤

receita2efeito-retô

Se você curtiu este post, deixa seu like e comenta aqui abaixo. 🙂

 

Pra bebê: Cappuccino pro friozinho (sem lactose) + Primeiro vídeo do blog

Sem-Título-4

No post de ontem (aqui) eu falei um pouquinho sobre a preguiça que tá dando sopa aqui no Recife. Faz uns três dias seguidos que não pára de ventar e chover (hoje até deu uma diminuída e o sol resolveu aparecer um pouquinho), só que nordestino é assim, minha gente, se diminuiu um grau na temperatura, a gente pensa que tá nevando, hahahaha. Daí vem aquela preguiça gostosa que só quer um café quentinho como desculpa. Por isso, o post de hoje é uma bebida delícia para esquentar a vida: Cappuccino (e sem lactose).

Essa receitinha é diferente das que rolam pela internet, porque não usa café solúvel (tipo, Nescafé) e nem leite em pó, porque a gente vai usar um leite Zero lactose, esse daqui.

  • Para começar, nós vamos precisar de:
    150mL de leite Piracanjuba 0 lactose quente.
    2 colheres (sopa) de café pronto, forte e quente.
    1 colher (sopa) de açúcar.
    1 colher (sopa) de chocolate em pó.
    1 colher (sobremesa) de canela.
    1 colher (sopa) de creme de leite (apenas se preferir)
  • Modo de preparo:
    Coloque todos os ingredientes no liquidificador por um tempinho até ficar consistente.
    Despeje numa caneca e acrescente mais canela, se preferir.
    Beba tudinho na companhia de um bom livro. #DICA: Esse livro é uma ótima companhia para o nosso Cappu.  ❤

Sem-Título-8

Sem-Título-3

Para mais receitas sem lactose, ou esclarecimentos sobre a intolerância alimentar, clique aqui. 🙂

Ah, e uma novidade: entrou no ar o primeiro vídeo do blog. Não tá lá essas coisas lindas, mas estou aprendendo, né? Confira a receita em vídeo e se inscreva no canal: